domingo, 25 de março de 2012

25. Medo

Sou medricas por natureza. Tenho medo da maneira que possa morrer. Mas não tenho medo de passar para o outro lado, porque Elas estão lá, à minha espera-
Mas desde que fui Mãe que tenho medo de ele não crescer comigo, tenho medo de não o ver crescer, tenho medo de perder o meu companheiro e amigo. Tenho muito medo de perder a Mana, tanto!

Depois tenho mais nojo de muitas coisas do que propriamente medo.

De sapos, que nojo...Rsrsrs

1 comentário:

na america profunda disse...

ola comadre como estas?
ja vi os post anteriores :-) estas como dizemos no nosso norte "boa como o' milho"
eu assino por baixo os teus medos ate dos sapos, nao os posso ver hihi
bjinhos ja enviei msis fotos so tenho de ter tempo para respoder ao e-mail
bjinho ao lindao da madrinha